Livro:

Memórias

“Do corpo da pousada onde ela cresceu, a memória”
 

Ela cresceu nesta pousada que pertencia a três gerações a sua família. Passou bons e longos anos correndo pelos corredores, descansando na sombra da grande mangueira no jardim. Mas a cidade cresceu, a pousada seria demolida para abrir espaço, e ela não era capaz de fazer uma única foto do que sobrou para guardar na memória. Resolvi então ir lá e tentar registrar algo que ela pudesse guardar com carinho como sua memória.

Clique no botão ao lado para baixar a versão digital do livro em PDF.